quinta-feira, julho 23, 2009

Olha que realmente...

Deparei-me com um cenário que se não fosse muito complicado até me ria.
A minha sogra quer ir de férias amanha.....até final de Agosto....para a santa terrinha....
Eu tenho férias dia 15 de Agosto porque o colégio fecha 15 dias e não tenho com quem deixar a Patuxa. E terei que ficar concerteza mais dias em casa até começar a escolinha oficial em Setembro. O pai não tem férias, ou seja, tira quando quer mas é para ir passear, não para cuidar das filhas, nunca ficou um dia sequer com elas em casa, quando muito uma tarde ou manha e no stand.
Ora então a senhora para compensar a situação desagradavel em que nos colocou optou por disser que levava a Flor para a terra, e nós iriamos lá um fim de semana e voltamos e etc etc etc
Deve ser maluca não? Por acaso ela acha que eu deixaria a minha filha uma semana? Quanto mais 15 dias? Não bate bem. 2, 3 dias aqui perto ainda podia ser, mas mais de 15 dias em Viseu, a centenas de kilometros, tá maluca, só pode. Se fosse essa a minha intenção já tinha ido de férias para o Brasil e tinha deixado com as miúdas.
Não estamos a falar de casos de saude, de urgencias, de situações extremas, estamos a falar de ir de férias quando sabe que não se pode.
E com esta situação e não querendo ser mal agradecida a Flor irá para o colégio segunda feira, assim a minha sogra fica livre para ir de férias mes e meio.
Passei-me...como podem imaginar.
Apenas disse ao homem lá de casa que esta situação podia ter sido evitada se em Maio já a tivessemos colocado no colégio. Este ano repeti-me mil vezes com o assunto, pois bastava olhar para a minha sogra que se via que ela está cansada desta prisão, ela não tem obrigação nenhuma de ficar com a miuda.
Mesmo sendo um favor que nos faz deveria ter consciencia que se se compremeteu a tratar dela deveria honrar o compromisso e ir de férias quando nós podemos ficar com ela. Agora terei que colocar a miuda por um tempo tão curto no colégio e depois quebrar a adpatação com os 15 dias em que fecha. Não gostei da atitude dela, não gostei que o homem lá de casa tivesse adiado aquilo que já sabia que ia acontecer.
Quem sofre perquntam voces? A Flor.
E não fui eu que disse que ela ia para o colegio já, foi o Pai, perceberam???? Finalmente os abriu os olhos.... antes tarde que nunca.
O post está confuso, sinto-me incomodada com isto. Quero muito que ela vá para o colégio mas queria que fosse sem pressas... percebem né?
Beijo e até já

9 comentários:

mãe pimpolha disse...

Compreendo-te perfeitamnete, não me imagino tão longe do meu piolho.
Beijocas

Tita disse...

Que aperto mulher!
Dificil quando elas nos faltam, dificil a menina adaptar-se a novas rotinas!
Coragem amiga! Força.
Bjs grandes

osmeuspestinhas disse...

É dificil assim de repente habituar se a uma rotina diferente mas vale mais assim do que a menina ir e estares sem a ver,pelo menos para o colégio vem para casa .Força eu sei que não é nada fácil mas estamos ctg
bjos

Mafalda, Rui e Constança disse...

Compreendo-te, tem calma.
Beijinhos

Dany disse...

É para ficar incomodada mesmo, mas tudo se resolve!
bj

AndreiaA disse...

Aio miga, realmente: sogras...
Vai tudo correr bem.
Bjs

Docinho disse...

Assim em stress pode ser pior para ela sim... mas vais ver que as crianças nos surpreendem!
Não tarda ela anda maravilhada e tu tb ;o)

sabes como é... ;o)

Um beijo com força sim?

Tété £ Xavier © disse...

Recordo-me perfeitamente de teres falado nessa obrigação que a tua sogra tinha de ficar com a Flor.
No teu lugar nem sequer teria hesitado um segundo sequer em colocá-la na escola. Detesto quando fazem algo por obrigação :o/
Agora entendo a tua angústia mas não penses no que poderia ter sido porque já não há nada a fazer. Senão sofres mais amiga.
Remedeia agora a situação e evita ficar stressada (sei que é complicado mas tenta!) porque senão a Flor ainda vai sentir mais!
Espero que ela não estranhe muito… os 1ºs dias nessa fase são complicados.
Quanto à tua sogra… enfim, sem comentários!
Bom fim-de-semana.
Beijos
Tété & Xavier

Maria José disse...

Bem a tua sogra sem comentários, gentinha sem amor nenhum.
E amiga eu compreendo-te perfeitamente eu também não deixo a Sofia.
bjokas