sexta-feira, outubro 28, 2011

A paixão veio para ficar

Eu sabia, eu já sabia. Quando eu descobro uma coisa que gosto fico viciada. Isto daria muitas horas de terapia no divã de qualquer psicologo.
Descobrir o papel transfer foi assim uma coisa que me fascinou. Depois do veado na estopa de linho agora surge o passarinho.
Tirei a ideia da net (esse mundo encantado, cheio de ideias lindas e pessoas espectaculares). Imprimi o desenho e voilá um tecido branco ficou encantado. Adorei. Fiquei simplesmente apaixonada pela minha toalha. Falta fazer as bainhas.
Esta será a técnica que vou usar nas minhas coisas de Natal e em alguns presentes que irei fazer.
O papel transfer é caro, não podemos correr riscos de estraga-lo ou não aproveitar a folha na totalidade. A impressão tem que ser estudada e quando o desenho tem letras não podemos esquecer de imprimir invertido.
Lá em casa todo o mundo gostou do meu TPC de ontem.
Beijo a todas, fiquem bem e bom fim de semana.

4 comentários:

Angela disse...

Amiga que lindo sabe o que me lembrou? Um selo real!Beijo e abençoado final de semana!

Paula disse...

Maria ..foste um talento perdido todos estes anos de malandrice ehehehe
PARABÉNS!!!

mãe pimpolha disse...

Eu recebi um convite para ver o teu blog, mas ele não está privado.
Beijocas

AVOGI disse...

bonito sem dúvida
kis :=)