sexta-feira, novembro 04, 2011

Raios partam os raios

Ontem na minha zona o temporal foi forte. Por volta das 17 horas ouvi um estrondo enorme, um raio, trovão e sei lá que mais. Ainda estava no escritório não liguei muito, pensei apenas nas minhas meninas que estavam na escola e deveriam estar assustadas.....
Mal sabia eu....
Quando chego a casa os meus vizinhos do lado estavam na rua e avisaram-me que podia ter estragos na minha casa pois um RAIO caiu em cima da casa deles e fez um buraco na chaminé. Estavam sem luz e à espera do piquet.
Entro em casa e vi que tinha luz, fiquei descansada, mas quando vou ao andar de cima estava tudo às escuras, não tinha luz em lado nenhum.
Televisao nao funciona, telefone, net ...nada...
Os candieiros queimaram aquela coisa que os liga aos tectos e terão que ser arranjados pois queimou. A Tv e essas coisas levam 48 Horas a tratar, o poste foi atingido.
Na minha casa estão os restos da chaminé do vizinho, que está instavel e terá que ser demolida ou bem arranja, coisa que deve demorar concerteza.
Hoje o homem lá de casa está com o eletricista a tratar das luzes.
Enfim...graças a Deus que não atingiu ninguém, ainda por cima os vizinhos têm um bebe e ficaram horas sem luz.
Raios partam os raios...que coisa esta.
Bom fim de semana, fiquem bem e sem raios.

3 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Bem que mau!! Espero que tudo se resolva depressinha por ai.

Já assisti a algo identico que aconteceu numa casa ao lado da oficina do meu antigo namorado.

Aqui onde morro corro grandes risco de algo semelhante acontecer, até pq anos antes já cá cairam 2 raios em oliveiras. Os temporais com relâmpagos aqui são muito incertos vindos de zonas diferentes e tanto os sentimos perto como longe. Apesar de não ter medo, já apanhei sustos valentes.

A casa dos meus pais têm a sorte de estar perto do quartel dos bombeiros que têmm pára-raios!

Anónimo disse...

Estou de boca aberta até agora com o que li! Tenho quase 30 anos e não tenho vergonha nenhuma em dizer que tenho pavor a trovoadas. Quando era ainda miúda cheguei a abrir o sobrolho á conta delas e sempre que me olho ao espelho me lembro. Mal oiço ao longe tremo logo de medo.
Ainda bem que não estava ninguém em casa, imagino o pavor que teriam sentido se aí estivessem quando caiu o raio!
Felizmente também moro perto dos bombeiros. Aqui, como moro perto do mar, quando há trovoadas, tb são de meter medo, mas felizmente nunca vivi nenhum caso como o vosso.
Espero que consigam resolver tudo rápidamente e que nunca mais voltem a passar pelo mesmo.
Beijinho e bom fim de semana!

Sissamar

www.sissamarkika.blogspot.com

Carina M disse...

Bolas que susto. De fato a trovoada coisa boa não traz.
Bjs